jumento

eu insisto em querer ser eficiente, avançar, andar para a frente, resolver os assuntos, simplificar. e, por isso, insisto em optar por ser eu a fazer aquilo que na realidade não me compete fazer.

só em nome da eficiência, da descomplicação, da resolução dos problemas!

depois, depois eu sou o único a sair prejudicado! parafraseando o mister scolari, embora na afirmativa em vez da interrogativa: “e o burro sou eu!”.

Advertisements

comentários existenciais

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s