sinais?! só os de trânsito.

logo pelo raiar do dia, e enquanto fazia as tarefas de higienização pessoal, ia ocupando a mente com pensamentos utópicos, por sinal muito comuns e persistentes, quando, do nada, sem motivo aparente nem relação causal de que me recorde, começa a ecoar na minha cabeça o refrão da música “don’t stop believin’”.

se eu fosse dado a misticismos diria que era um sinal. como não sou, acho que foi apenas uma (in)feliz coincidência.

Advertisements

comentários existenciais

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s