vou começar a ladrar em vez de falar

depois de uma semana de muito apelo ao espírito de sacrifício e um fim de semana sem qualquer descanso, um dia de cão. amanhã continua… é assim a (minha) vida.

ao final do dia ouvi a frase que me deu algum alento: “o mundo não é para os desistentes, é para os persistentes”.

um dia destes o burnout vem-me visitar.


comentários existenciais

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s