existências

é típico, sempre que podemos usufruir das coisas em toda a sua plenitude, não usufruímos como devemos. depois, quando já não temos possibilidade de usufruir, lamentamo-nos e arrependemo-nos.

eu estou num desses precisos momentos. momento de lamentação, de arrependimento e de alguma mágoa pelas circunstâncias não terem sido outras. aqui e ali por culpa minha, sim. não aproveitei aquilo que tanto aprecio e valorizo, e continuarei a apreciar e a valorizar. também é verdade que muito foi por culpa de razões de circunstância, sem culpas a atribuir portanto. mas agora já passou a oportunidade! pode surgir de novo? sim pode, porque a vida é um corrupio de surpresas, de boas e más surpresas. a questão é, a confirmar-se uma nova oportunidade, será que as circunstâncias vão ser as mais propícias para aproveitar na plenitude? exercícios de futurologia sem grande nexo de causa efeito… entretanto o passado já lá vai.

há reflexões assim, feitas nos momentos em que a estabilidade emocional oscila. há, nestes momentos, reflecções pouco sensatas, assim como as perceções que delas resultam. há, no entanto, outras reflecções muito sensatas e conscientes que podem assustar.

p.e., é aterradora a visão do futuro pela perspetiva frontal de um ângulo de 15°. é demasiado limitadora de alternativas e soluções, a tendência está predestinada.

tudo se torna mais difícil quando concluímos que o passado não foi muito próspero, e o futuro não vai sorrir como se desejaria.

são processos de reflexão penosos como este que consciencializam, não deixam os dias ser radiantes e fazem das noites meras horas de uma existência inexistencial.


comentários existenciais

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s