liberdade para mim, os outros que se quilhem!

acabo de ouvir, ainda agora, a joana amaral dias dar voz, sempre de tal forma bem colocada que me obriga a baixar o volume da tv, à sua indignação pelo facto de ter sido alvo de críticas pela sua pose desnudada, invocando expressões como liberdade, censura, lápis azul, blá, blá, blá.

mas então, o conceito de liberdade da srª é obrigar todos a gostar de atos terceiros ou, não gostando, a manterem-se completamente mudos?! não será uma contradição?! de resto, muito típica em pessoas com convicções acérrimas para lá do razoável e do sensato.

eu até não me incomodo nada que a senhora pose nua, independentemente da sua responsabilidade social, por isso tenho aqui uma posição de indiferença e equidistância entre as partes. mas parece-me que, quem adota uma postura de liberdade, como ela adotou, é sensato aceitar a mesma liberdade aos demais. só assim numa perspetiva de igualdade e justiça. se a srª não estava preparada para a crítica, evitava a exposição. optou por fazê-lo, agora, em nome da liberdade que a srª tanto proclama, tem que permitir que as pessoas se expressem de forma… livre!

não será um pensamento linear e lógico?! se calhar não, sou eu que estou completamente queimado do cérebro e não é bem assim…

tudo é ainda mais revelador de incoerência quando, consta, vetou uma fotomontagem a um humorista português, num sketch do mesmo, onde era usada a cara da srª juntamente com um corpo de uma modelo nua a sugerir uma pose desnudada da srª. achou, consta, que era de mau tom e revelador de machismo.


comentários existenciais

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s